Manuel de Araújo convidado como “morador” de Quelimane

Foi o titulo de um artigo noticioso publicado pelo semanário SAVANA, um dos jornais independentes de maior circulação em Moçambique, na sua edição numero 1121 de 3 de Julho, onde se pode ler o seguinte:

“Naquilo que pode representar mais uma prova da excessiva partidarização do Aparelho do Estado, o programa traçado pelo governo provincial da Zambézia na recepção do Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, identificou e convidou Manuel de Araújo, não na qualidade de presidente do município da cidade de Quelimane, mas sim, na qualidade de “morador”. Ou seja, o governo da Zambézia, tal como atesta o convite emitido pelo governo provincial para a recepção do Presidente da República, Manuel de Araújo tinha de ser apresentado simplesmente como “morador” da cidade de Quelimane. “Por ocasião da visita de Sua Excia Filipe Jacinto Nyusi….temos a honra de convidar V.Excia, na qualidade de morador do distrito de Quelimane, para participar na recepção e cumprimentos de boas vindas no Aeroporto de Quelimane, seguida de um comício popular” – refere o convite.

Vicente Cinquenta – Administrador de Quelimane

O documento que convida Araújo como morador de Quelimane é assinado pelo administrador distrital, Vicente Francisco Cinquenta. O cenário da partidarização do Estado atinge igualmente a Presidencia da Republica, pois, o programa traçado por aquela instituição, ainda no ambito da visita de Filipe Nyusi à Zambézia, coloca o primeiro secretário provincial do partido Frelimo e esposa logo depois do governador provincial, isto no comite de honra para a recepcao do Presidente. Manuel de Araújo e esposa aparecem no quinto posto do comite de honra, depois do Presidente da Assembleia Provincial e administrador do distrito.” Escreveu o SAVANA, o artigo  pode ser lido na pagina 7 da ultima edição desta publicação.

 

Comments (1)

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: