Mais de mil moçambicanos e alemães residentes em varias cidades a Alemanha celebraram no passado Sábado em Berlin os 40 anos da proclamação da independência nacional. O programa consistia não só na culinária moçambicana mas também em manifestações culturais incluindo a exibição da Banda musical mocambicano-alema de Dresden.

A cerimonia que foi organizada pela embaixada moçambicana, foi dirigida pelo Embaixador de Moçambique na Alemanha, Amadeu da Conceição e contou com a participação do Deputado da Assembleia da República pelo circulo da Europa e Resto do Mundo, Rui Sixpence. Amadeu da Conceição enalteceu as mudanças ocorridas nos últimos 40 anos em Moçambique nomeadamente a consolidação da democracia, a redução do analfabetismo, a melhoria no sector da saúde, o crescimento de escolas, centros de saúde e instituições de nível superior que passaram de um para quarenta e oito. Na sua alocução o deputado pela diáspora agradeceu a participação dos moçambicanos nas eleições gerais e presidenciais ocorridas no ano transacto.

O Presidente do Município de Quelimane foi o convidado de honra das festividades dos 40 anos da proclamação da independência nacional na Alemanha. No seu improviso Manuel de Araujo enalteceu a importância da diáspora e da comunidade moçambicana na Alemanha em particular na divulgação da cultura moçambicana e na atraccão de investimentos para o pais. Manuel de Araujo não so recordou a longa epopeia dos moçambicanos na Alemanha, onde muitos vieram como estudantes e trabalhadores com o objectivo de ganhar conhecimentos para desenvolver a pátria mas também destacou a sua posição privilegiada pois residem naquele que e considerado o “motor econômico e tecnológico da Europa” na transmissão de experiências e conhecimentos tecnológicos que muita falta fazem ao pais.

Ainda no âmbito da visita a Alemanha Manuel de Araújo reuniu-se com a comunidade moçambicana onde trocou impressões sobre a realidade política, econômica e social vivida em Moçambique.

Na semana anterior, Manuel de Araujo participara em Lisboa, na Cerimonia Oficial das celebrações dos 40 anos da proclamação da independência nacional,  co-organizada pela Embaixada de Moçambique e pelo Banco Comercial de Moçambique, que contou com a presença da Embaixadora de Moçambique em Portugal, do músico Moreira Chonguiça (que entoou os dois hinos nacionais), dos representantes da FAO em Portugal, Hélder Muteia, do Secretário Geral da CPLP, Isaac Murargy, do Presidente do Conselho de Administração do BCI, Paulo Sousa, do representante da Confederação dos Empresários da CPLP, Salimo Abdula, e do PCA da Empresa Portos do Norte, Fernando Couto.

There are no comments yet.

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: